3 maneiras de gerar mais relacionamento com seus clientes

Para melhorar o relacionamento com o cliente é preciso entender que esse relacionamento é composto de diversos pilares. Vem conferir no post!

Além de conexão, é preciso criar um relacionamento transparente e direto, para que seus clientes se sintam valorizados e valorizem a sua marca.

Muito tem se falado sobre conexão e storytelling, principalmente dentro do marketing digital e do marketing de conteúdo nas redes sociais. Mas para garantir que seus clientes se sintam confiantes o bastante para interagir ou ter sua marca como prioridade, é preciso mais do que conexão ou arte de contar histórias, o correto e mais assertivo é investir em um relacionamento estratégico. Por isso nesse post você vai entender o que vem depois de gerar conexão com seu público e aprender 3 maneiras de gerar mais relacionamento com seus clientes.

A DIFERENÇA ENTRE CONEXÃO E RELACIONAMENTO

Antes de pensar em criar relacionamento é preciso entender que sem conexão, a sua relação com o público alvo não existe. Então é desejável que você pense em como é possível criar uma maior identificação do seu público, com o que está sendo vendido e até mesmo com você ou com sua história pessoal. 

3 estratégias para gerar conexão:

Storytelling: Essa nada mais é do que a arte contar (estrategicamente) a sua história e relembrar o porquê de você estar ali vendendo determinado produto ou promovendo mudanças.

Empatia: Preocupe-se em mostrar que seu negócio ajuda as pessoas de alguma forma e soluciona um problema, que talvez, até você já tenha tido um dia. 

Identidade e presença: Seja autêntica e presente na vida do seu público, faça com que seus diferenciais sejam vistos e identificados por sua persona. Talvez seus produtos ou marca sejam exatamente o que uma pessoa procura durante muito tempo mas não se identificam o suficiente (com as outras pessoas que também oferecem). 

O relacionamento Marca x Cliente funciona mais ou menos como a manutenção dessa conexão. Pense nesse processo como duas fases: a primeira fase é de identificação e de atração, e a segunda é de manutenção e formas de tornar o processo o mais claro e vantajoso para ambas as partes. Tendo um bom relacionamento com sua persona você saberá como ela se sente acompanhando sua marca, comprando os seus produtos, acompanhando seus lançamentos, interagindo nas suas postagens e até como ela vai se sentir depois de ter virado sua cliente. Ao mesmo modo que ela saberá, o quanto sua marca se importa com ela, o quanto você está disposta a ouvi-la em qualquer circunstância e como a empresa reagirá quando ela estiver insatisfeita em algum ponto.

ESTRATÉGIA Nº 1 PARA GERAR MAIS RELACIONAMENTO

Avalie bem qual tipo de relacionamento você quer e precisa ter com seus clientes. É preciso que você saiba entregar o que seu público precisa e no momento em que ele precisa. Definir uma comunicação sem estratégias pode repelir as pessoas ao invés de atraí-las e fortalecer o relacionamento já existente. 

– Comece pensando na sua persona e no que ela pode precisar de você enquanto empresa ou marca.  

– Avalie o que você pode entregar e procure entender o que as pessoas esperam do seu negócio em todas as fases do funil de vendas.

– Estruture um plano que contenha um pouco da sua personalidade e que consiga estar aberto a possíveis novas dúvidas.

– Pense também no pós venda, nos possíveis problemas, soluções e em tudo que possa englobar o atendimento da sua empresa ou ter contato direto com seu cliente.

– Se possível comece a pensar em investimentos para fazer esse relacionamento ficar ainda mais recorrente. Esse investimento pode ser em: benefícios extras, brindes ou até cupons de descontos exclusivos de um produto. Aqui você deve pensar em maneiras de fazer seu cliente se sentir especial.

Leia também: – Como a estratégia de Unboxing Experience pode te ajudar a ter mais visibilidade

Aprenda a educar seu público alvo em 3 passos

ESTRATÉGIA Nº 2

Você precisa focar nos clientes que já compraram de você e naqueles que ainda vão comprar! Não ser exaustiva  e ficar oferecendo os produtos/serviços o tempo todo pode ser a grande sacada! Às vezes algumas empreendedoras acabam focando somente nos possíveis novos clientes (que não sabem muito sobre o negócio em si ou sobre os produtos) e se esquecem do pós venda, onde as pessoas não precisam e nem podem se sentir abonadas. Essas duas atitudes já dizem muito sobre sua empresa e sobre o relacionamento que ela cultiva no público alvo. 

É preciso cativar para tornar a vender para clientes antigos:

– Pense em maneiras de fazer com esse cliente se sinta pertencente a sua marca.

– Mostre que sua empresa ficou satisfeita ao atendê-lo.

– Estimule feedbacks e ouça todos com carinho.

– Crie presets ou filtros para seus clientes (isso mostra uma importância até para os que estão chegando, os do topo do funil).

– Crie uma comunicação que seja direcionada para eles, como o típico “quem já comprou anteriormente” ou “vocês que já compraram”. 

– E como nem tudo são flores, crie políticas ou protocolos para resolver problemas rapidamente e mostre-se atenta a qualquer indisposição que estes clientes possam ter sentido ao realizar uma compra na sua loja.

Para os que ainda não compraram, é essencial não parecer desesperada por vendas:

– Não foque somente em oferecer ou falar do seu produto/serviço para essas pessoas.

– Ouça e responda todas as dúvidas dessas pessoas com o máximo de carinho e se possível, ajude (dentro das suas possibilidades) até mais do que solicitado.

– Cative-os com o seu relacionamento já existente com quem já faz parte da sua lista de compradores.

– Mostre tudo o que você faz para colaborar com a vida do seu público e qual o resultado disso.

–  Tente criar formas de atrair esses clientes a partir dos feedbacks de quem já comprou.

– E o mais importante, deixe claro que depois da venda você ainda estará disponível caso exista algum problema, dúvida ou até elogios posteriores.

ESTRATÉGIA Nº 3

Invista na confiança e segurança do seu negócio. Contar para seus clientes o que está acontecendo ou o que vai acontecer e como vai acontecer, pode gerar mais segurança e até algumas provas sociais. Tente imaginar que o consumidores online querem saber literalmente como são as coisas antes mesmo de comprarem, em alguns casos, precisam até de exemplos práticos. Então a saída é deixar as coisas cada vez mais claras.

Encurtar esse caminho e exterminar as dúvidas antes mesmo delas surgirem, se dispondo a conversar diretamente com as pessoas, pode ser a fórmula para fazer seu relacionamento com os clientes ser mais duradouro e forte.

Vale lembrar que essa estratégia dá abertura para as pessoas entenderem melhor sobre alguma dúvida específica, mas ao mesmo tempo pode gerar outras dúvidas. E é justamente por existir esse relacionamento de marca X cliente, que as pessoas se sentirão mais à vontade para te chamar no privado ou em um local mais reservado e perguntar sobre. 

Outro benefício dessa estratégia é fazer com que as pessoas vejam o quanto você está empenhada em falar a verdade e em esclarecer as coisas diretamente com cada uma. Muito provavelmente depois que você passar a fazer isso, seu público se sentirá mais próximo e confiante para realizar compras.

Como você pôde ver no post, construir um relacionamento ou fortalecê-lo não é tão difícil quanto parece, desde que se utilize as estratégias corretas. Mas se por acaso você leu o texto e ficou com dúvidas relacionadas a e-commerces em geral, talvez nós possamos te ajudar mais! 

Toda as terças acontece a Trilha MCEO no YouTube, onde conversamos sobre temas específicos para quem deseja realizr vendas sem sofrer muito, mas fica perdida em meio a tantas estratégias. É uma aula 100% gratuita e cheia insights para empreendedoras.

Então perde tempo, clica aqui para fazer sua inscrição, receber os acessos e lembretes das aulas direto no seu e-mail!

Deixar uma resposta